Domingo, 18 de Abril de 2004

...

Imagem2.jpg



Quanta Incoerência 
 Eu...

Incoerente?
Incoerente é a vida

 que segue à revelia, sem pensar em meus

sentimentos!
 
Incoerente é o amor 
que brinca comigo o tempo

inteiro, sem pensar

 na minha dor!
 
Incoerente é o homem que
jura amar-me além da vida,
e a cada dia mais se apraz,

tornando-se ausente.

Fazendo-se surdo,
às minhas súplicas de amor!
 
Incoerente é o homem
que me ama, e não entende que meu coração não lhe pertence,

e não se conforma com a realidade

que nos separa!
 
Incoerente é a alegria que me mata,
ao sentir a presença do homem

que eu amo,

 se aproximando!
 
Incoerente são os meus desejos,
ao entregar-me a ele de corpo e alma,

esquecendo-me das dores,

e amarguras que me faz passar,

quando se vai,

 sem nada explicar!
 
Incoerente é o destino
que me leva a crer que um dia
nos unirá, e certamente,

a sua presença,

de mim, jamais se afastará!
Incoerente sou eu, em acreditar

 

( *Iracema Zanetti* )

publicado por Loba às 19:43
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. Voltei...

. Vou voltar...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Março 2006

. Outubro 2005

. Abril 2005

. Janeiro 2005

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

SAPO Blogs

.subscrever feeds